QUAL TÉCNICA DE MASSAGEM MAIS COMBINA COM VOCÊ, COM A SUA NECESSIDADE?

Ana Lucia Ricken

QUAL TÉCNICA DE MASSAGEM  MAIS COMBINA COM VOCÊ,  COM A SUA NECESSIDADE?

Massagem Terapêutica
A massagem terapêutica é uma forma de avaliar e aplicar manobras metódicas ao tecido mole superficial da pele, aos músculos, tendões, ligamentos e às fáscias corporais. Têm por objetivo levar relaxamento e tratar algias específicas. 

De acordo com estudos é possível tratar inúmeros problemas, desde dores nas costas a dores de cabeça, que podem estar relacionadas as questões de tensão muscular pelos mais variados motivos. A massagem tem o poder de liberar a rigidez das articulações e músculos, minimizando o consumo excessivo de medicamentos. Normalmente é associada à ventosaterapia e bamboterapia.

QUAL TÉCNICA DE MASSAGEM  MAIS COMBINA COM VOCÊ,  COM A SUA NECESSIDADE?

Drenagem Linfática
A drenagem linfática é uma técnica de massagem que tem por objetivo estimular o sistema linfático - uma rede complexa de micro vasos por onde circulam diversos fluidos. A drenagem não é uma técnica para ajudar no emagrecimento, mas sim, no alívio de dores específicas causadas pela retenção de líquidos nas pernas, ou pela dificuldade no retorno venoso. A técnica não deve causar dor, nem hematomas, as sessões devem ser feitas até que o edema diminua, ou desapareça por completo. Os movimentos da drenagem linfática são extremamente suaves e seguem sem-pre em uma única direção


 

QUAL TÉCNICA DE MASSAGEM  MAIS COMBINA COM VOCÊ,  COM A SUA NECESSIDADE?

Massagem Relaxante
A massagem relaxante é aplicada por meio de movimentos suaves e firmes por todo o corpo, proporcionando o relaxamento da musculatura e aliviando as tensões e o estresse. É aplicada com óleos ou cremes, e, associada à aromaterapia. Traz um efetivo bem-estar, sensação de conforto, tranquilidade e alegria, além de mais flexibilidade e melhora a circulação sanguínea aumentando o fluxo de nutrientes. A técnica é de toques mais leves, para estimular a produção de hormônios, como ocitocina, endorfina e noradrenalina.

Gostou? Compartilhe: