COMO É QUE O TRAUMA PODE AFETAR AS CRIANÇAS

Fabiana Fontana

COMO É QUE O TRAUMA PODE AFETAR AS CRIANÇAS

Muitas pessoas viveram experiências traumáticas. Os efeitos podem ser físicos, psicológicos ou uma mistura deles.
 

A maioria das pessoas se recupera rapidamente, outras não. Por vezes o impacto de um trauma pode ficar e afetar as nossas vidas muito depois do acontecimento. A ajuda de um especialista pode ser necessária.

Os traumas que uma criança experimenta podem ou não serem fáceis de se identificar, por vezes o adulto até sabe a origem, mas a criança não. Os traumas podem ter acontecido muito cedo, não são recordados, ou ainda, a criança pode ter afastado da sua mente essas lembranças, “esquecido”.

Quando as crianças não se lembram, os efeitos se apresentam, normalmente, através do seu comportamento. Há com frequência sinais de bloqueio emocional.

Por exemplo, essas crianças podem não rir, não brincar ou não sorrir. Podem ser demasiadas obedientes e/ou dispostas a seguir qualquer adulto. Podem ser inseguras, incapazes de se defender ou de protestar quando são maltratadas. Os pais podem até saber que algo está errado, mas não têm consciência de que algo traumático tenha ocorrido.

A Abordagem Integrada da Mente – AIM, criada pelo psiquiatra e neurocientista gaúcho Diogo Lara, pode ser usada para melhorar a autoestima e ajudar na depressão, na ansiedade e no comportamento agressivo. É uma abordagem que desbloqueia o processamento cerebral para que as memórias traumáticas se tornem memórias normais.

A AIM é composta de várias técnicas da psicologia e da neurociência, tem como objetivo tirar o melhor de cada uma delas, sem comprar a ideia de que há uma única que funciona. Segundo o Dr. Diogo, essa técnica moderna explora “vários canais de acesso ao nosso conteúdo psíquico, o próprio corpo, emoções, memórias e o acesso à consciência. Ela tem apresentado resultados mais contundentes, profundos, consistentes e persistentes com menos sessões”.

Gostou? Compartilhe:

Fabiana Fontana

Fabiana Fontana

CRP 06/79095

Psicóloga; Pós-graduada em Gestão de Pessoas;
Practitioner de PNL; Coaching; Terapeuta e
Facilitadora de Barras; Terapeuta Thetahealer; Reikiana.
Terapias complementares:
Aromaterapia, Auriculoterapia Francesa,
Reflexologia podal, Quick massagem, dentre outros.

Rua Niels Nielsen, 150 - Vila Medon | Americana

Telefone

(19) 99182.5241

Ver mais sobre: Fabiana Fontana, Psicologia, Psicologia Infantil, trauma infantil, psicoterapia infantil, psicologa para criança, bloqueio emocional, depressão