NO FRIO, USE E ABUSE DO CHÁ QUENTE? NÃO TÃO QUENTE

NO FRIO, USE E ABUSE DO CHÁ QUENTE? NÃO TÃO QUENTE

Uma tarde com chá, um filminho e chá com biscoito, uma reunião de negócios – bem vindos sejam os chás. Nada fervendo, apenas na temperatura certa para cada especialidade aromática e de sabor delicioso.

Ainda precisamos aprender a degustar esse produto nobre e bastante disponível na flora brasileira – a mais rica do mundo. E o que falar dos benefícios que podemos mandar pra dentro. Propriedades medicinais preventivas e curativas é que não faltam para elas, conheça algumas:

Erva de Mulungu: é excelente remédio caseiro para acalmar os ânimos, ajudam indivíduos com problemas de insônia e ou dificuldade para relaxar. 

Carqueja: melhora a circulação sanguínea, a digestão e facilita no processo de emagrecimento. Ajuda no controle do diabetes, desintoxica o fígado. Contraindicado na gravidez e amamentação.

Erva de Hibiscus: têm propriedades antiespasmódicas, diuréticas, digestiva e utilizada como laxante suave. Coadjuvante no tratamento da obesidade. Antioxidante, protege o coração e a pele do envelhecimento. 

Raiz de gengibre: é muito eficaz no combate e prevenção de doenças devido sua ação imune estimulante, antioxidante e anti-inflamatória. É rico em vitamina B6, cobre magnésio e potássio. Melhora a circulação sanguínea, ótima aliada em qualquer dieta para emagrecer. Prejudicial para quem toma aspirina regularmente.

Folha de Assa Peixe: trata problemas como a gripe, bronquite, contusões, hemorroidas, afecções uterinas e tosse. Tem ação balsâmica, expectorante, fortificante, hemostática e diurética. 

Semente de Sucupira: é excelente para casos de artrose e reumatismo. Propriedades anti-inflamatória, antirreumática e analgésica. 

Folha de Amora Miura: melhora o metabolismo do fígado e dos rins, diminui a pressão arterial, inibe a taxa de glicose e promove a liberação natural de insulina. Melhora a reposição hormonal e com isso traz alívio aos sintomas da menopausa.

O que queremos dizer é que os chás feitos com ervas medicinais, e não apenas com o tradicional chá-mate, são ótimos tratamentos complementares para patologias crônicas, excelentes coadjuvantes que podem surpreender você. E a relação custo benefício é mais excelente ainda.
Para consumir essas substâncias procure a orientação do seu médico, de um nutricionista ou naturólogo.

 

Lis Marina Tralli Mafra | Naturóloga

Gostou? Compartilhe: